(32) 991734242 contato@ovigilanteonline.com

Bar da Rampa, no Morro do Cruzeiro, é opção para fim de tarde em Leopoldina

Bar da Rampa, no Morro do Cruzeiro, é opção para fim de tarde em Leopoldina
Fotos: Márcia Vaz/Arquivo Pessoal

Boa música, boa comida, boa bebida, são alguns dos diferenciais do Bar da Rampa, em funcionamento desde o começo de abril.

Começou a funcionar no dia 1º de abril em Leopoldina o Bar da Rampa, no Morro do Cruzeiro, um dos lugares mais deslumbrantes da Zona da Mata de Minas Gerais, que proporciona a seus frequentadores uma visão panorâmica da cidade e das montanhas de Minas.

Aberto às segundas-feiras de 15h00 às 21h00 e de terça a domingo das 07h00 às 21h00, o Bar da Rampa, de Douglas Maldonado e Felipe Medeiros, quer ser um lugar de referência para as pessoas passarem o final de tarde, com uma boa música, boa comida, boa bebida, contando com um atendimento agradável.

Continua Depois da Publicidade


“Chegamos com essa proposta de mudar bastante. Na parte visual fizemos uma decoração inicial para podermos abrir. Roçamos todo estacionamento e pintamos as vagas dos veículos, melhoramos o espaço, deixando-o agradável. Organizamos tudo lá”, explica Douglas Maldonado, carioca, filho de mineiros moradores de Leopoldina.

“O Projeto é bem maior. Nós temos projetos não só para fomentar o bar, temos projetos que envolvem cultura – que é o cinema ao ar livre, temos ideia de fazer concertos junto ao Conservatório e promover realmente o que o estatuto prega, promover o esporte, a cultura, o lazer”, destacou Douglas, que nos últimos dez anos passou a voar e frequentar o Morro do Cruzeiro e percebeu que aquele espaço poderia ser melhor aproveitado.

“Com o tempo eu fui entendendo o cenário, e comecei a me envolver e opinar em algumas coisas ali dentro. Comecei a buscar informação e entender porque o Lalado, lá atrás, criou o Clube Leopoldinense de Voo Livre. Ele me falou que o seu sonho era ver aquilo fomentando o esporte na cidade e servindo de utilidade pública para a população. E isso está no estatuto do Clube”, disse Douglas.

Continua Depois da Publicidade

Ainda de acordo com as observações feitas por Douglas, hoje o voo livre tem apenas 4 pilotos ativos, a cidade não recebe mais nenhum evento de voo livre. “Uma cidade que já sediou etapa do Campeonato Brasileiro”, comentou.

“Comecei a conversar com o Túlio, que é filho do Lalado. Mostrei que ele era o responsável por tornar novamente o sonho do seu pai em algo viável, palpável. Agora Túlio é o presidente do Clube e entrou com esse desafio de mudar a história daquele lugar e realmente fazer algo que nunca foi feito ali”, revelou Douglas.

A encantadora vista do Morro do Cruzeiro, em Leopoldina.

Um dos diferenciais observados pela Reportagem no Bar da Rampa e em suas imediações está relacionado à preservação do meio ambiente, com a adoção da coleta seletiva de resíduos, que são destinados ao local apropriado, para reciclagem.

Enquanto a revitalização do Morro do Cruzeiro é aguardada, o Poder Público municipal poderia realizar o serviço de manutenção e melhoria do acesso ao local, cuja estrada não oferece boas condições.

Além de ponto turístico bastante procurado por visitantes locais e turistas de todas as regiões, o Morro do Cruzeiro é ponto estratégico devido às várias torres de telecomunicações nele instaladas.

Fonte: Jornal O Vigilante Online, com informações e fotos da jornalista Márcia Vaz

O Vigilante Online