(32) 991734242 contato@ovigilanteonline.com

Aqui de Leopoldina: 1º de junho – Dia Mundial do Leite

Aqui de Leopoldina: 1º de junho – Dia Mundial do Leite
Por Ana Maria Garcia do Carmo Carminati – Emater/MG

O Dia Mundial do Leite foi criado em 2001 pela FAO, órgão das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura. Teve por objetivo incentivar o consumo desse alimento em países que comemoram a data, inclusive o Brasil. O Estado de Minas Gerais é a maior bacia leiteira do país, com participação de cerca de 27% na produção nacional.

Segundo pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Minas Gerais produziu mais de 9,4 bilhões de litros no ano de 2019, um aumento de 5,7% em relação a 2018. Esta produção mineira, de acordo com o IBGE, representou 27,1% da produção nacional, que é de cerca de 34,8 bilhões.

Continua Depois da Publicidade


O leite pode ser considerado um dos alimentos mais completos e acessíveis para a população. Em um copo de 200 mililitros de leite de vaca, há cerca de seis gramas de proteína, quantidade suficiente para suprir 8% das necessidades diárias de um adulto. Além de cálcio e outros minerais, como fósforo e magnésio, e nas vitaminas, principalmente A, D, E e K, além das do complexo B.

Segundo a nutricionista Janaína Goston. Doutora em Saúde Pública pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em apresentação no Webinar organizado pela Emater com o tema “Mitos e Verdades sobre o Consumo do Leite” que : “Se a gente for comparar a biodisponibilidade, ou seja, o quanto de cálcio do alimento o nosso corpo aproveita, ela é bem maior no leite. Para ter a mesma quantidade de cálcio necessária em um dia, uma pessoa teria que ingerir uma quantidade enorme de brócolis, por exemplo. E isso, principalmente com o público infantil, é muito difícil”.

Acompanhe os canais da Emater e conheça seus serviços:

Continua Depois da Publicidade

www.youtube.com/ematerminas
facebook.com/ematerminas

Leia também: