(32) 991734242 contato@ovigilanteonline.com

Regional de Saúde de Leopoldina recebe mais 13.780 doses da vacina contra covid-19

Regional de Saúde de Leopoldina recebe mais 13.780 doses da vacina contra covid-19
Regional de Saúde de Leopoldina recebeu nesta segunda (5) mais 13.780 doses de vacina contra Covid.

Nesta remessa, Leopoldina recebe mais 3.020 doses e Cataguases outras 4.100. Confira quantas doses cada cidade vai receber.

A Gerência Regional de Saúde (GRS) de Leopoldina recebeu nesta segunda-feira, 5 de abril, mais 13.780 doses da vacina contra covid-19. A distribuição faz parte das mais de 1 milhão de doses enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado de Minas Gerais.

A distribuição aos municípios está prevista para esta terça-feira (6), dando continuidade a esta que é a maior operação de vacinação da história de Minas Gerais.

Continua Depois da Publicidade


Ao todo, a Secretaria Municipal de Saúde de Leopoldina receberá 3.020 sendo 2.870 da vacina Coronovac desenvolvida pelo Instituto Butantan em São Paulo e 150 da AstraZeneca, desenvolvida pela Fiocruz, no Rio de Janeiro.

Confira quantas doses cada município da Regional de Leopoldina vai receber:

• Além Paraíba: 1930
• Argirita: 200
• Astolfo Dutra: 780
• Cataguases: 4.100
• Dona Eusébia: 310
• Estrela Dalva: 190
• Itamarati de Minas: 250
• Laranjal: 460
• Leopoldina: 3.020
• Palma: 470
• Pirapetinga: 540
• Recreio: 740
• Santana de Cataguases: 280
• Santo Antônio do Aventureiro: 240
• Volta Grande: 270

Continua Depois da Publicidade

A logística, que permitirá a todos os 853 municípios dar continuidade à execução de suas campanhas de vacinação, conta com apoio das Forças de Segurança do estado. Aeronaves do BOA (Batalhão de Operações Aéreas) dos Bombeiros e efetivo terrestre da Polícia Militar atuam no transporte e escolta dos insumos para que toda operação aconteça de forma ágil e segura.

Agência Minas/Divulgação

O primeiro voo saiu às 9h, do Aeroporto da Pampulha, e a previsão é que até 14h todo o quantitativo seja entregue às URS. A partir daí os municípios devem buscar as vacinas e podem dar prosseguimento imediato à vacinação da população.

Ao todo, são 1.016.650 doses – sendo 943.400 doses da Coronavac e outras 73.250 da AstraZeneca. Segundo orientação do Programa Nacional de Imunizações, a CoronaVac será utilizada para iniciar a imunização de 6% dos profissionais das Forças de Segurança, conforme determinado pelo Ministério da Saúde. Será, ainda, usada para aplicar a primeira dose em 1,26% da população entre 65 e 69 anos e como segunda dose em 7% dos trabalhadores da Saúde, 87% da população entre 75 e 79 anos, e 80,4% da população entre 70 e 74 anos. Já os imunizantes da AstraZeneca serão aplicados como segunda dose para 10,2% aos trabalhadores da Saúde.

Prioridade

No grupo prioritário das Forças de Segurança estão os trabalhadores envolvidos em atendimento e transporte de pacientes, resgates e atendimento pré-hospitalar, ações de vacinação contra covid-19 e de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público, independentemente da categoria.

Jornal O Vigilante Online, com informações da Agência Minas