(32) 991734242 contato@ovigilanteonline.com

Em declaração dada ao Jornal O Vigilante autor de 5 furtos em Escola Estadual disse que agiu sozinho

Em declaração dada ao Jornal O Vigilante autor de 5 furtos em Escola Estadual disse que agiu sozinho

Conforme noticiado pelo jornal O Vigilante Online, nesta terça-feira, 4 de abril, a Polícia Militar de Leopoldina conseguiu prender o suspeito de praticar os cinco furtos na Escola Estadual Emílio Ramos Pinto, localizada no Bairro Seminário.

Continua Depois da Publicidade

           


A prisão de A. P. O., de 40 anos de idade, aconteceu no final da tarde, por volta das 16h00, nas imediações do Bairro Roque Schettino (Limoeiro), após intenso rastreamento que vinha sendo realizado desde o primeiro furto, registrado na manhã da segunda-feira, 27 de março, quando funcionários da Escola chegaram para trabalhar no começo da manhã e perceberam o arrombamento.

A Polícia Militar foi acionada e em seguida a Perícia Técnica da Polícia Civil também compareceu ao local. Naquela ocasião, o autor furtou materiais de limpeza, alimentos da merenda escolar e duas câmeras de monitoramento. As fiações de energia elétrica do estabelecimento de ensino também foram danificadas. Outras quatro invasões, seguidas de arrombamento e furto foram registradas nos dias seguintes, sob a perplexidade da comunidade escolar, da população e da própria Polícia, que intensificou sua atuação com o objetivo de chegar até a autoria dos crimes.

Continua Depois da Publicidade

De acordo com as informações, o elemento preso nesta terça tinha passagem pela Polícia. A reportagem apurou que A. P. O. teria fragmentado o produto do furto para trocar por drogas. Em uma residência, os militares encontraram parte dos mantimentos. Outros receptadores e eventuais outros autores estão sendo procurados pelos policiais. O autor recebeu voz de prisão em flagrante por furto e foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Leopoldina, juntamente com o material que foi apreendido. Uma mulher também foi conduzida pelos militares.

Pouco depois de ser preso, a reportagem do jornal O Vigilante Online conseguiu conversar com A. P. O., que admitiu ter praticado os furtos e disse ter agido sozinho. Perguntado se ele não teve medo de, em um curto período ir 5 vezes no mesma escola para praticar o furto, o autor respondeu que isso não vinha à sua mente. Ao ser indagado se estaria sob efeito de drogas quando praticou os furtos o homem disse que estava normal. “Teria passado pela sua cabeça que você estava furtando comida destinada às crianças da escola? “Sim”, respondeu, acrescentando algumas palavras que não foram compreendidas no restante de sua resposta. A. P. O. também afirmou que praticou os furtos sozinhos e que não carregava ninguém com ele. Confira na reportagem as declarações de A. P. O. e a entrevista com o Tenente Getúlio, comandante do 1º Pelotão da 6ª Companhia de Polícia Militar Independente, sobre o caso. https://www.youtube.com/watch?v=IsYttBi4Gtw&feature=youtu.be

O VIGILANTE ONLINE

O Vigilante Online