Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242


Ambev produzirá álcool em gel para doar a hospitais devido ao coronavírus

O VIGILANTE ONLINE | Brasil - 17/03/2020 - 21:33 | Atualizado: 21/03/2020 - 23:56

Serão distribuídas 500 mil unidades do produto, que está em falta nas prateleiras.


Ambev/Divulgação
A Ambev anunciou nesta terça-feira (17) que vai utilizar suas dependências para fabricar 500 mil unidades de álcool em gel, que serão distribuídas a hospitais públicos em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

O objetivo é suprir a demanda pelo produto, que começa a se tornar escasso no Brasil devido à pandemia do novo coronavírus, que beira os 300 casos confirmados pelo Ministério da Saúde. O álcool em gel é um dos produtos mais eficazes para se higienizar as mãos e evitar a transmissão do coronavírus.

A empresa de bebidas vai usar as linhas de sua cervejaria em Piraí, no Rio de Janeiro, para produzir etanol e garrafas PET, onde o álcool será envasado. A escolha dos três locais é pelo grande número de casos da Covid-19 nessas cidades.

De acordo com a Ambev, serão entregues 5.000 unidades em cada hospital público desses municípios.


Continua depois da publicidade




"A demanda pelo álcool em gel segue aumentando nos últimos dias, e já existe falta do produto no mercado. Considerando que uma das restrições para a sua reposição é a embalagem para envase, a Ambev disponibilizará o álcool em gel em garrafas PET como as utilizadas para suas bebidas, que hoje não estão em falta.

O álcool virá do processo cervejeiro, além do retirado na produção de Brahma 0.0", informou a empresa.
Fique por dentro:

Adiada realização do XVI Encontro Nacional de Motociclistas de Leopoldina

Brasil registra primeira morte por coronavírus

Primeiro caso suspeito testa negativo para coronavírus em Muriaé

TRE suspende atendimento presencial ao eleitor e agendamento até o dia 31 de março

TRT-MG concede liminar que suspende atividades de escolas particulares entre 18 e 31 de março

UEMG suspende aulas e cancela eventos a partir desta quarta-feira (18)

Prefeitura de Leopoldina decreta situação de emergência em saúde por conta do coronavírus

Restrições de visitas são anunciadas pela Casa de Caridade Leopoldinense

• Igrejas de Muriaé alteram programações para evitar proliferação do novo coronavírus


• CEFET-MG suspende aulas presenciais por tempo indeterminado

• Adiada em Leopoldina a I Oficina para prestadores de Serviços Turísticos 2020

• Aulas da rede estadual de Minas estão suspensas até o dia 22

• UFV decide suspender atividades acadêmicas por tempo indeterminado devido ao novo coronavírus

• Sobe para quatro o número de pessoas diagnosticadas com coronavírus em Minas

• Cataguases investiga caso suspeito do novo coronavírus

• Governo de Minas Gerais decreta situação de emergência devido ao coronavírus

• Secretaria de Saúde confirma primeiro caso suspeito do novo coronavírus em Muriaé

Fonte: Jornal O Tempo



Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2020 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS