Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242


Homem é morto a facada durante briga em Cataguases

O VIGILANTE ONLINE | Região - 19/01/2020 - 11:35 | Atualizado: 19/01/2020 - 11:46

Uma mulher ficou ferida. Autor foi preso pela Polícia Militar.


Marcelo Lopes
Um homem morreu e uma mulher ficou ferida na noite deste sábado, 18 de janeiro, após envolverem-se em uma briga com outro homem. O fato aconteceu na Rua José Godinho, no Bairro Thomé, em Cataguases e o autor do crime foi preso pelos policiais militares próximo ao Quartel da PM onde, segundo ele, iria se entregar. Este foi o primeiro homicídio registrado em Cataguases neste ano de 2020.

De acordo com as informações colhidas pela reportagem do Site do Marcelo Lopes no local com os policiais que assumiram o registro do crime, a motivação teria sido desentendimento. Conforme a Polícia apurou, as vítimas, o casal formado por Maycon José Sampaio Dutra, de 26 anos, que morreu, e a mulher, de 44, que ficou ferida mas não corre risco de morte, teriam ido até à residência do autor, de 58 anos, para cobrar a pensão alimentícia para a filha que teria com ela, com quem manteve um relacionamento extraconjugal por cerca de dezoito anos. Segundo a ex-companheira, após chamá-lo na porta várias vezes foi surpreendida por ele que lhe atingiu com golpes de faca e a jogou na rampa. Seu companheiro então, se escondeu na garagem, mas o autor foi ao seu encalço e ela ouviu apenas Maycon dizer para ele não fazer “isso não”.


Continua depois da publicidade




O autor confirmou aos policiais ter mantido um relacionamento extraconjugal com a mulher e que ela diz ter uma filha com ele, que não reconhece. Porém, ainda conforme contou, estaria sendo extorquido por ela constantemente, sob a ameaça de que contaria à sua esposa sobre o relacionamento. Desde então passou a lhe dar mensalmente a quantia de R$ 1.500,00, acrescentando que com isto estava endividado. Na tarde deste sábado, ainda conforme seu depoimento, ela teria ligado pedindo-lhe dinheiro, o que lhe foi negado. À noite a mulher foi até a porta da sua casa onde começou a gritar com ameaças de que iria contar tudo para sua esposa. Como ele não respondia, ainda conforme contou o autor, a mulher rasgou uma tela na lateral da garagem e lá dentro ameaçou colocar fogo no seu veículo. Receoso de que isso pudesse acontecer, pegou uma faca de cozinha e foi ao encontro dela para que ela saísse de lá. Ao chegar disse que foi agredido com chutes e socos que o fizeram cair na rampa por duas vezes.  Para se defender desferiu alguns golpes com a faca nos seus dois opositores e em seguida foi até o Quartel da Polícia Militar para se entregar.


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) compareceu no local e prestou atendimento à mulher na própria ambulância e a levou ao Pronto-Socorro do Hospital de Cataguases onde foi submetida a suturas e curativos sendo liberada em seguida. A perícia técnica da Polícia Civil esteve no local e após fazer o trabalho de praxe liberou o corpo para a Funerária. O autor foi apresentado na Delegacia Regional de Polícia Civil em Leopoldina onde prestou depoimento.

Fonte: Site do Marcelo Lopes



Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2020 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS