Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242


Impostômetro: Leopoldina arrecadou cerca de R$ 14 milhões em 2019

Por Júlio Cabral | Cidade - 03/01/2020 - 10:43 | Atualizado: 09/01/2020 - 19:32


Arquivo/O Vigilante Online
Contribuintes de Leopoldina, sejam eles pessoas físicas ou jurídicas, pagaram cerca de R$ 14 milhões em impostos no ano passado. Este é o valor correspondente de janeiro a dezembro de 2019, oriundo dos mais diversos tributos cobrados da população e de empresas. O número é superior ao registado em 2018, onde o cálculo obtido pelo Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo mensurou quase R$ 10 milhões, especificamente no município. 


Continua depois da publicidade




De acordo com o levantamento elaborado a partir de dados disponibilizados pelo Ministério da Fazenda - Secretaria do Tesouro Nacional - através do SICONFI - Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro, somente com o Imposto Territorial e Predial Urbano (IPTU) a arrecadação em Leopoldina foi de aproximadamente R$ 5,5 milhões enquanto o ISS, Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza, foi em torno de 3,9 milhões. Os números foram confirmados pelo Secretário de Fazenda do município, José Márcio Fajardo Campos.

Brasil e Minas

Os brasileiros pagaram em 2019 R$ 2,5 trilhões em impostos. Os dados são referentes ao período entre 01/01/2019 e 31/12/2019. O valor corresponde ao total pago para a União, Estados e Municípios na forma de impostos, taxas, multas e contribuições. Em Minas Gerais, a arrecadação representa um total de R$ 191.918.760.105,96.
 

O Impostômetro

O impostômetro foi criado em 2005 e busca estimar o valor total de impostos, taxas, contribuições e multas que a população brasileira paga para a União, os estados e os municípios.

O total de impostos pagos pelos brasileiros também pode ser acompanhado pela internet, na página do Impostômetro (www.impostometro.com.br). Na ferramenta, criada em parceria com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), é possível acompanhar quanto o país, os estados e os municípios estão arrecadando com tributos e também saber o que dá para os governos fazerem com todo o dinheiro arrecadado.

Fonte: Jornal O Vigilante Online



Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2020 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS